Internacionalização

A Internacionalização é um dos pontos chave do Quadro de Referência Estratégico Nacional (QREN).
Os apoios à internacionalização são uma das tipologias de projetos inseridos no Sistema de Incentivo Qualificação de pequenas e médias empresas.

QREN - Intenacionalização

Atualmente a presença no mercado global e o aumento das exportações é fundamental na estratégia de crescimento de uma empresa.
Neste âmbito foram criados meios para o apoio a estas iniciativas, apostando na produção de bens ou serviços que possam ser internacionalizáveis.

As ações de apoio visam auxiliar as empresas através de:

  • Análise de mercados internacionais;
  • Desenvolvimento e promoção internacional de marcas;
  • Presença em mercados internacionais;
  • Promoção e marketing internacionais.

A apresentação de projetos neste âmbito da Qualificação e Internacionalização das pequenas e médias empresas pode ser realizado a título individual ou em cooperação.
A internacionalização é fator primordial no tecido empresarial português neste contexto atual. É cada vez mais uma estratégia para assegurar a competitividade e, em alguns casos, uma questão de sobrevivência no mercado.

O apoio ao investimento nesta área visa potenciar estas oportunidades, nomeadamente a nível da exportação.
No entanto o empreendor deverá ter em mente que o processo de internacionalização é um processo complexo, que carece, para além do apoio, ao nível financeiro, de uma estratégia consolidada e do profundo conhecimento do mercado em que se vai operar. Só deste modo será possível constituirem-se estratégias eficazes a este cenário global, conseguindo competitividade num mercado tão amplo.

O Sistema de Incentivo em Internacionalização tem como objetivo contrariar a tendência do mercado empresarial nacional, que adota, a nível geral, medidas ligadas à exportação, como consequência natural do seu processo de crescimento ou resposta a pedidos de fornecedores externos, disponibilizando meios financeiros para que opções estratégicas globais sejam adotadas.

Saiba mais

A exportação, o meio comummente utilizado na internacionalização da empresa, apresenta as seguintes vantagens competitivas:

  • Aumento do ciclo de vida de um produto ou serviço e quebra na sazonalidade;
  • Acréscimo na margem comercial;
  • Exploração de novas oportunidades de negócio existentes em nichos de mercado;
  • Avanço na cadeia de valor do produto/serviço/processo;
  • Aumento de produtividade e competitividade, potenciado pela entrada de novos players internacionais no mercado em que a empresa, tradicionalmente, opera.

Num balanço dos pontos positivos e vantagens inerentes à internacionalização, o empreendedor/empresário deve ponderar, igualmente, as principais barreiras que se prendem, em grande parte, com a exportação, nomeadamente, a nível barreiras tarifárias (relacionados com taxas aduaneiras e taxas sobre os produtos importados) e barreiras técnicas (relativas a documentação necessária, certificados, licenças...)

O desenvolvimento de ferramentas de análise e definição de ações estratégicas de internacionalização é fundamental para garantir o sucesso. São estas as linhas orientadoras e processos de intermediação, a nível, internacional que irão constituir-se como uma aposta com sucesso.


Conheça o que os especialistas da Dual Up Consulting tem a dizer sobre este assunto! Desafie a nossa equipa.

Fechar

Afaste-se da crise e internacionalize o seu negócio !


 

* Este site respeita o novo acordo ortográfico